LUCIANO MOREIRA INAUGURA COMITÊ EM CIDELÂNDIA

O candidato a deputado federal Luciano Moreira continua recebendo adesões de importantes lideranças políticas e comunitárias do sul, sudoeste e sertão do Estado. Semana passada, ele ganhou o apoio do ex-prefeito de Imperatriz, Ildon Marques, e de seu grupo político, incluindo quatro vereadores.
Luciano Moreira também esteve em Cidelândia (foto), onde, ao lado do ex-prefeito Neto Teixeira e de líderes políticos e comunitários, inaugurou seu comitê de campanha naquele município. 

ROSEANA ADVERTE PARA TENTATIVA DE DENUNCISMO

A governadora Roseana Sarney, candidata à reeleição pela Coligação O Maranhão Não Pode Parar, advertiu, ontem, 15, para uma tentativa de denuncismo iniciada no final de semana pela oposição que tem a colaboração de veículos de imprensa costumeiramente de boa vontade para com essa prática. Ela se referiu à matéria publicada por O Estado de São Paulo, e repercutida por diversos sites, inclusive o da revista Veja, a respeito de uma transação bancária normal feita há seis anos sobre a qual não há nenhum questionamento na justiça.
“Requentam-se velhas e surradas denúncias na falta de denúncia nova. É de se lamentar que setores tradicionais da imprensa se prestem a esse serviço, mesmo sabendo que as pessoas estão atentas. Por que não questionaram isso antes? Por que só agora que estamos em pleno período eleitoral e eu sou candidata à reeleição? Por que requentar uma denúncia agora, exatamente dois dias depois de ser descoberta uma grande reserva de gás no Maranhão, que abre novas e excelentes perspectivas para o futuro do meu estado? Veja, as reservas descobertas agora prevêem que o Maranhão será responsável por 25% de todo o gás produzido no Brasil. E mais: essas reservas representam quase metade de todo o gás que o Brasil hoje é obrigado a importar da Bolívia. É muita coincidência, e lembra o jogo sujo eleitoral feito contra mim nas eleições de 2006. Está claro que tudo isso é mais uma tentativa, mais uma armação visando alterar o curso normal dessa eleição. Por isto, faço um alerta para o povo do Maranhão: não se deixem enganar mais uma vez”, observou Roseana.
A governadora completou: “Infelizmente, pequena parte da política no Maranhão ainda é feita por pessoas adeptas do jogo sujo e imoral, do denuncismo barato e eleitoreiro. No passado me prejudicaram, mas desta vez será diferente. Meus advogados já estão preparando o documento jurídico necessário para levar os responsáveis à justiça, em todos os níveis que forem necessários”.
Em nota, Roseana esclareceu que O Estado de São Paulo criou um fato em cima de uma operação bancária normal. “Um empréstimo contraído e pago às claras, com todos os papéis que o tipo de transação requer. É de um oportunismo sem igual querer se valer disso para repetir velhas fórmulas visando confundir a opinião pública. Das vezes anteriores eles nos acusaram, nunca provaram nada e ficou por isso mesmo. Agora vamos reagir e exigir que se explique o verdadeiro sentido dessa manobra”, afirmou a governadora.
O jornal que levantou o caso do empréstimo bancário diz que teve acesso aos documentos internos de um banco sob intervenção. A partir daí estabelece relações entre a operação de empréstimo e outros mecanismos financeiros feitos pela instituição fora do país. “O empréstimo contraído e pago legalmente é fato, e os desdobramentos sugeridos pelo jornal são suposições passadas aos leitores de jornal em formato de um escândalo. A intenção evidente é confundir com o intuito de atingir minha honra e assim causar um dano político para a minha campanha, já que estamos em pleno período eleitoral e todas as pesquisas me dão uma liderança tranqüila na disputa pelo cargo de governador do Maranhão. Sem dúvida, repito, tem todo o perfil de uma ação encomendada”, denuncia Roseana.
“O Maranhão vive um dos melhores momentos de sua história, com grandes investimentos sendo realizados, como a refinaria Premium da Petrobras e a descoberta de imensas reservas de gás em Capinzal do Norte. Há projetos se implantando nas áreas de siderurgia, mineração, alimentos, bebidas e refrigerantes, produtos acabados de aço e alumínio, construção civil e agricultura. Isso representa muitos empregos e salários para os maranhenses. Requentar velhas denúncias sem nenhuma comprovação para me prejudicar não vai mudar o meu otimismo nem o meu trabalho pela minha terra. O Maranhão me conhece, conhece a minha história, a minha seriedade e a minha correção”, acrescentou Roseana.

ROSEANA LIDERA PESQUISA PARA O GOVERNO

A disputa pelo governo do Estado mantém-se rigorosamente estável no Maranhão. É o que revela nova rodada de pesquisas do Instituto Escutec/O Estado, divulgada neste sábado (14). Os candidatos variaram – para baixo ou para cima – exatamente dentro da margem de erro, mantendo inalterada a sucessão maranhense.
Primeira colocada na disputa, a candidata Roseana Sarney (PMDB), que tinha 50,4% na pesquisa anterior, do dia 25 de julho, aparece agora com 49,6%, variando menos de 1 ponto percentual para baixo. Jackson Lago (PDT), que tinha 25,8%, agora tem 23,7%. E Flávio Dino (PCdoB), agora tem 18,2%, ante 16,8% da pesquisa de julho. A margem de erro da nova pesquisa é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos. O resultado final, portanto, manteve-se inalterado. Os demais candidatos – Marcos Silva (PSTU), Saulo Arcangeli (PSol) e Marcos Igreja (PCB) - mantiveram-se com índices abaixo de 1% de intenção de votos.
“Os números mostram que a campanha não deslanchou efetivamente, o que é normal e até previsível. Não houve fato político que justificasse uma alteração dos números”, explicou o presidente da Escutec, jornalista Fernando Júnior. Para ele, esta estabilização só deverá mudar com o início da propaganda eleitoral.
São Luís - Roseana Sarney mantém a dianteira em todas as regiões do Estado. Na Grande São Luís, que inclui a capital maranhense, ela fica com 46,4%. Flávio Dino aparece com 31,9% e Jackson Lago com 10,8%. Os demais candidatos registraram traço.
A região em que a governadora mantém o maior índice de intenção de votos é a região Norte (54,8%). No Sul, no Centro e no Leste do Estado ela também registra percentuais acima de 50%. Apenas na região Oeste, seus índices ficam na casa dos 44%, ainda assim, mais de 10 pontos à frente do segundo colocado, Jackson Lago.
Na pesquisa espontânea – aquela em que o eleitor cita qualquer nome, sem necessidade de apresentação dos candidatos - Roseana também mantém folga em relação aos demais candidatos. Ela aparece com 35,8% das citações, contra 19,2% de Jackson e 11,7% de Flávio Dino. Os demais candidatos não pontuaram.
Escutec ouviu 1.059 eleitores, entre os dias 11 e 13 de agosto. O registro no Tribunal Regional Eleitoral é o de nº 28870/2010.

Dilma Rousseff tem dianteira no Maranhão

A nova pesquisa Escutec/O Estado revelou também que a candidata do PT, Dilma Rousseff (PT), mantém no Maranhão uma grande dianteira sobre o seu principal adversário, José Serra (PSDB). A petista apresenta 58% das intenções de voto no estado, contra 25,3% de José Serra. A candidata do PV, Marina Silva, tem 7,6% de intenção de votos no Maranhão. Nenhum dos demais candidatos pontuou acima de 1% na pesquisa divulgada neste sábado.
Dilma vence Serra em todas as regiões do Maranhão. No Leste, ela alcança 61,5% das intenções de votos. Na Grande São Luís, ela apresenta 54,8% das intenções de voto, contra 21,1% de Serra e 10,1% dados a Marina Silva. Também na Grande São Luís, os demais candidatos aparecem com menos de 1%.
O candidato do PSDB é também o mais rejeitado dentre os candidatos a presidente no Maranhão. Nada menos que 35,7% dos eleitores disseram que não votariam nele em hipótese alguma. Dentre os principais candidatos, Dilma Rousseff é a menos rejeitada, com apenas 12,9%. Marina Silva tem 15,3% de eleitores que a rejeitam.
Na pesquisa Escutec/O Estado foi perguntado também a opinião do eleitor maranhense sobre o governo Roseana Sarney. Ela é aprovada por 63,1% de eleitores, que consideraram seu governo bom (52,3%) e ótimo (10,8%). Apenas 17,8% dos maranhenses consideraram péssima a administração roseanista. Neste quesito, apenas 2% dos eleitores não quiseram ou não souberam opinar.

Milhares prestigiam Roseana em São José de Ribamar

Cerca de 10 mil pessoas prestigiaram a governadora Roseana Sarney, candidata à reeleição pela coligação O Maranhão não Pode Parar, em caminhada e comício na tarde deste sábado, 14, na cidade balneária e santuário de São José de Ribamar. Além do candidato a vice, Washington Luiz, Roseana foi acompanhada pelos postulantes ao Senado, João Alberto (PMDB) e Edison Lobão (PMDB); pelo prefeito em exercício, Gil Cutrim; pelo prefeito licenciado e coordenador geral da campanha, Luís Fernando Silva; e por lideranças comunitárias e políticas.
Depois de caminhar por cerca de dois quilômetros, do Outeiro à Igreja do padroeiro, Roseana falou aos ribamarenses no palanque montado próximo à concha acústica, na área do santuário. A candidata reafirmou a devoção ao santo padroeiro do Maranhão e revelou que, caso seja eleita, trará uma nova escola de ensino médio para o município.
“Conto com vocês para continuar o que tenho feito não apenas na área de educação, mas na saúde, infraestrutura e habitação. Tenho fé em São José de Ribamar, sou uma candidata séria, que tem trabalho no Estado e que ama o Maranhão”, enfatizou a governadora Roseana, candidata a reeleição.
Para o coordenador da campanha, Luís Fernando, o único governante que fez algo e que sempre é lembrado pelos ribamarenses é a candidata Roseana. Ele listou várias obras, entre elas a construção do santuário, a reforma da Igreja de São José de Ribamar e também a parceria em mais de 300 obras realizadas em sua gestão.
“Sentimos saudade de Roseana, pois fomos maltratados. Deixaram-nos até sem policiamento. Mais isto já passou, pois com este grande comício deslumbramos a volta da esperança, de um novo Maranhão que se apresenta tendo à frente Roseana”, destacou Luís Fernando.
Apoio na Ilha - O ato político contagiou as mais de 10 mil pessoas que foram ver, ouvir, fotografar e, principalmente, conversar com Roseana. Durante o trajeto bandeiras de vários candidatos davam um colorido a mais ao evento. “Nunca vi tanta gente para ver Roseana. Mas, ela merece, porque os outros candidatos nada fizeram pelo Maranhão”, disse, emocionada, a dona de casa Eudinéia da Silva Matos.
O comício iniciou com duas mensagens de apoio à reeleição de Roseana, exibidas no telão: a do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da candidata à Presidência, Dilma Rousseff, ambos do PT, partido que está coligado na esfera nacional e estadual ao PMDB. Nos recados de Lula e Dilma a confirmação e a sustentação do nome de Roseana para governo do Maranhão e da dobradinha para o Senado em favor dos candidatos João Alberto e Edison Lobão (ex-ministro de Minas e Energia do governo Lula).
Presentes também diversos candidatos a deputado federal e estadual. Impressionado com a manifestação de carinho e de apoio da multidão que acompanhava Roseana, o vice Washington Luiz se mostrou otimista em relação ao crescimento da candidatura na Região Metropolitana de São Luís.
“A Ilha Rebelde mostra mais uma vez sua característica de rebelde ao apoiar a candidatura de Roseana, coligada com o PT, pois o povo dá um basta àquele tipo de política feita durante os últimos sete anos. Queremos pensar como Roseana num Maranhão desenvolvido, progressista, com programas sociais, pensando na maioria da população”, ressaltou Washington Luiz.

EXCLUSIVO Márlon Reis diz que Senado é “opção possível”

Márlon Reis, ex-juiz, um dos criadores da Lei da Ficha Limpa (Foto: Carlos Gaby) Em entrevista exclusiva ao blogue, o advogado e ex...