Luis Fernando comandará seminário com prefeitos eleitos e reeleitos

Luis Fernando (3º da esq. para a dir.) e colegas de governo visitam aciaria em Açailândia


O secretário-chefe da Casa Civil, Luis Fernando Silva, cumpriu extensa agenda de trabalho, nesta quarta-feira (24), nos municípios de Açailândia e Imperatriz, na Região Tocantina, onde manteve encontro com lideranças políticas e empresariais, visitou órgãos de atendimento ao cidadão e unidades regionais da administração estadual. À noite, representou o Governo do Estado na abertura do X Encontro Nordestino do setor de Leite e Derivados (Enel), em Imperatriz.

Também presentes os secretários Hildo Rocha (Assuntos Políticos), Cláudio Azevedo (Agricultura, Pecuária e Pesca) e Fernando Fialho (Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar). Pela manhã, em Açailândia, os secretários visitaram as instalações do Viva Cidadão,  no Centro, e acompanharam o trabalho realizado pelos servidores e o atendimento oferecido aos usuários dos diversos serviços oferecidos pela unidade.

Luis Fernando Silva aproveitou a oportunidade para vistoriar as instalações do espaço, como parte dos estudos para implementação, dentro das unidades do Viva Cidadão, dos serviços oferecidos pelo Programa Viva Oportunidades. A ação visa promover a inclusão social e produtiva com oportunidades de capacitação, acesso ao crédito, trabalho e renda para os que vivem em situação de extrema pobreza no Maranhão.

“Em Açailândia, temos um atendimento modelo do Viva Cidadão, um trabalho realizado com muita competência pelo corpo funcional e ótimo nível de satisfação dos usuários, e por isso estamos vistoriando esta unidade, dentro do planejamento que está sendo desenvolvido, de podermos integrar dentro do próprio Viva Cidadão, ações de geração de trabalho e renda do Viva Oportunidades”, anunciou.

De acordo com o secretário Fernando Fialho, de Desenvolvimento Social, a implementação das ações do Viva Oportunidades, dentro da cadeia de serviços já oferecidos pelo Viva Cidadão, ampliará a cidadania aos maranhenses excluídos ou que vivem à margem da sociedade. “Iremos garantir a oportunidade para que estas pessoas possam mudar de vida e transformar suas realidades para melhor, por meio do emprego e da renda a partir do microcrédito e de outras iniciativas”, destacou.

Parceria

Ainda em Açailândia, a comitiva de secretários estaduais se reuniu com a prefeita eleita de Açailândia, Gleide Santos. Ela aproveitou a oportunidade para reafirmar a vontade e a determinação de trabalhar em parceria com o Governo do Estado e promover melhorias nas áreas de infraestrutura, educação, saúde, desenvolvimento social e meio ambiente.

"Temos o compromisso de realizar um governo de resgate e promover a melhoria da qualidade de vida da população. Por isso, queremos contar com o apoio do Governo do Estado, porque juntos, podemos fazer muito mais pela nossa cidade", declarou Gleide Santos.

O secretário Luis Fernando Silva reafirmou a disposição da governadora Roseana em trabalhar em parceria com os municípios maranhenses e destacou que as ações do governo estadual irão continuar chegando a Açailândia, inclusive com a ampliação da parceria de trabalho, proporcionando benefícios a toda comunidade. “Muitas ações já vem sendo realizadas na cidade e, agora, vamos buscar ampliar este trabalho”, afirmou ele.

O secretário Hildo Rocha lembrou que a governadora Roseana Sarney determinou a realização de um Seminário de Integração com os prefeitos eleitos e reeleitos, que será coordenado pelo secretário Luis Fernando Silva. "O objetivo é aproximar os novos gestores e mostrar os procedimentos administrativos necessários para que cada município possa buscar parcerias junto aos governos do estado e federal", esclareceu.

Aciaria

Encerrando a agenda de compromissos em Açailândia, Luis Fernando Silva, e demais secretários visitaram as obras de implantação da primeira Aciaria do Maranhão, localizada no Distrito Industrial de Pequiá. Os secretários estaduais foram recebidos pelo presidente do Grupo Ferroeste, Ricardo Nascimento, responsável pelo empreendimento e conheceram o atual estágio das obras, além de receber informações com os detalhamentos técnicos da iniciativa.

Atualmente, cerca de 1.000 pessoas trabalham nos serviços de conclusão da Aciaria, que já tem 60% dos trabalhos de implantação da unidade prontos. Quando estiver em operação a partir de outubro de 2013, o projeto está dimensionado para produzir na primeira fase, 600 mil toneladas/ano de Tarugo de Aço (Billet - semi-acabado utilizado como matéria-prima para a laminação de aços longos, como vergalhões, fio máquina, etc), que tem tanto uso industrial e doméstico como para exportação.

Na aciaria (unidade de uma usina siderúrgica que transforma o ferro-gusa em diferentes tipos de aço), estão sendo investidos atualmente cerca R$ 400 milhões apenas na primeira fase. Até 2014, já terão sidos aplicados R$ 700 milhões no empreendimento, que servirá de suporte para a siderúrgica Gusa Nordeste, instalada em Açailândia e com capacidade para produzir 360 mil toneladas de ferro-gusa/ano.

O presidente da Aciaria informou aos secretários estaduais que a unidade de Açailândia será a primeira do mundo a produzir o aço verde, graças a sua forma de produção advinda da utilização de energia renovável e por ser 100% sustentável. "Esta será a primeira usina do mundo em que não utilizaremos combustível fóssil. Para cada tonelada de aço que iremos produzir aqui, iremos retirar da camada de ozônio uma tonelada de gás carbônico, enquanto que no resto da siderurgia mundial, para cada tonelada de aço que são produzidas, existe a emissão de duas toneladas de gás carbônico", detalhou.

Texto:Marcelo Júnior/Secom-MA

Fotos: Jordana Fonseca

Nenhum comentário:

Postar um comentário

EXCLUSIVO Márlon Reis diz que Senado é “opção possível”

Márlon Reis, ex-juiz, um dos criadores da Lei da Ficha Limpa (Foto: Carlos Gaby) Em entrevista exclusiva ao blogue, o advogado e ex...