Operação da Polícia prende mais de 70 em São Luís



A Secretaria de Estado de Segurança Pública tem realizado importantes ações no combate à criminalidade em todo estado, com a integração das policias, retirado de circulação bandidos de alta periculosidade e quadrilhas especializadas.
Segundo o secretário de segurança pública Jefferson Portela, os resultados dessa integração entre forças policiais tem sido satisfatório para a população. “Estou bem satisfeito com os resultados, que estamos conseguindo nesses primeiros dias e creio que a população também, mas o trabalho não vai parar, vamos seguir unindo forças atuando de forma rápida e utilizando inteligência policial” enfatizou.
Só na última sexta-feira (16) mais de 70 pessoas de uma mesma facção criminosa foram detidas em uma festa no Parque Timbiras. A denúncia dos moradores teve uma resposta imediata da polícia que também apreendeu armas de fogo, facas, drogas e bebidas alcoólicas. Todos os presos foram encaminhados para o 16º Distrito Policial da Vila Embratel.
A operação foi realizada em conjunto entre a Unidade de Segurança Comunitária 2, Grupo Tático Militar e 1º Grupamento da Polícia Militar. “O GTM recebeu a denúncia e nos chamou para dar suporte. Quando chegamos ao local, nos deparamos com mais de 50 homens e pelo menos 30 mulheres com armas, drogas e ingerindo bebidas alcoólicas”, relatou o Coronel Pedro Ribeiro, comandante de policiamento metropolitano.
Também na sexta-feira (16), a polícia deflagrou a operação saturação as 6h da manhã,  onde cinco pessoas foram capturadas em uma ação integrada das policias Civil e Militar no bairro Coroadinho abrangendo as áreas da Vila Natal, Pocinha e Morro do Zé bombom.
Participaram cerca de 180 policiais e 50 viaturas, na operação que resultou na prisão de um latrocida identificado como Ludmayckon Costa Barros, também autuado em flagrante pelo uso de documento falso, e quatro homicidas: Marcos Paulo Vale Mendes, Damião Mendes, Marcos Vinicius dos Reis Neto e Ronald Cartagenes Rego.
O sucesso das operações pode ser percebido pelos números apresentados, e na quantidade de bandidos tirado de circulação. “Mesmo com o baixo efetivo policial que temos no estado, devido à falta de manutenção ao longo do tempo, conseguimos encontrar soluções práticas para combater a violência no Maranhão, essas duas últimas operações realizadas pela polícia civil e militar são um exemplo de como temos nos desdobrado para dar a resposta rápida a sociedade em relação a criminalidade”, disse o delegado-geral Augusto Barros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A criação da Comenda Frei Manoel Procópio

Maior honraria concedia pelo Município de Imperatriz, a Comenda Frei Manoel Procópio leva o nome do missionário, considerado o fundador...