SAÚDE: Imperatriz perde para Matões e Mata Roma

DEU NO CORREIO POPULAR (www.jornalcorreiopopular.com)


Saúde de Matões e de Mata Roma é melhor que Imperatriz



Oito estados ficaram abaixo do Maranhão segundo o índice de Desempenho do SUS divulgado sexta-feira pelo Ministério da Saúde. O IdSUS avalia o atendimento das unidades de saúde pública usando uma escala de 0 a 10. A pontuação média no Brasil ficou em 5,47. O Maranhão alcançou a nota 5,20, melhor que Ceará (5,14), Mato Grosso (5,08), Amapá (5,05), Amazonas (5,03), Paraíba (5,00), Rio de Janeiro (4,58), Rondônia (4,49), Pará (4,17) e o Distrito Federal (5,09).

A avaliação de todos os municípios brasileiros levou em conta toda a estrutura hospitalar, clínica e laboratorial. O Ministério da Saúde usou 24 indicadores, dentre os quais a cobertura populacional alcançada pelas equipes do programa Saúde da Família, proporção de cura dos casos de tuberculose e hanseníase, cobertura vacinal, proporção de parto normal, exames de mamografia realizados em mulheres de 50 a 69 anos de idade e procedimentos ambulatoriais de média complexidade, e o Pácto de Indicadores.

O levantamento levou em conta o tamanho da população, a estrutura existente e a condição econômica dos municípios. Os números usados foram os de 2007 a 2010, enviados pelos sistemas informatizados das secretarias municipais de saúde. A base de dados 2011 não foi considerada porque alguns municípios brasileiros ainda devem informações do ano ao Datasus/Ministério da Saúde.

Imperatriz

A saúde de Imperatriz ganhou do IdSUS a nota 5,40, melhor que Açailândia, com 4,44, Amarante do Maranhão, com 4,61, Bacabal, também abaixo de 5,0, e Estreito, que obteve 4,93. O desempenho de Imperatriz foi melhor também que Grajaú, Zé Doca, Alcântara e Barreirinhas, mas perdeu para São Luis, que alcançou a média 5,93, e Caxias, com impressionantes 6,72. Coelho Neto, que tem a saúde gerida pela ex-secretária imperatrizense Rosângela Curado, bateu acima de 6 pontos, um pouco melhor que Porto Franco, aferido com nota 5,75.

Outros municípios econômica e demograficamente inferiores a Imperatriz foram melhores avaliados no Índice de Desempenho do Sistema Único de Saúde. Pela ordem alfabética e aqui listados sem as notas, destaque-se Balsas, Carolina, Cururupu, Duque Bacelar, Governador Luiz Rocha, Governador Nunes Freire, Guimarães e Itapecurú Mirim. Índice acima de 5,40 também para João Lisboa, Lago da Pedra, Mata Roma, Matões, Miranda do Norte, Parnarama, Peri Mirim, Presidente Dutra, Presidente Médici, Riachão, Rosário, Santa Inês, Santa Luzia do Paruá, São Félix de Balsas, São José dos Basílios, São Vicente de Férrer e Timon. Empatados com Imperatriz – nota 5,40 -, São João do Carú, habitada por 12.309 pessoas, Ribamar Fiquene, que tem menos de 8 mil habitantes, e Montes Altos, com população inferior a 10 mil pessoas..

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clã Sarney e o ‘Bloco Sanatório Geral’

Os temas se cruzam com extrema coincidência que pensamos (ou temos certeza) que ainda estamos no auge do coronelismo político no Maranhão...