Sócio de marido de Roseana recebeu dinheiro para vigiar presídios


Chico de Gois, enviado especial


SÃO LUÍS — A Secretaria de Administração Penitenciária do Maranhão contratou a Atlântica Segurança para atuar nos presídios. A empresa pertence a Luiz Carlos Cantanhede Fernandes, sócio de Jorge Murad, marido da governadora Roseana Sarney, numa pousada em Barreirinhas, nos Lençóis Maranhenses. Em 2002, quando a Polícia Federal apreendeu mais de R$ 1,3 milhão em dinheiro vivo na empresa Lunus, que pertencia a Murad, o marido de Roseana alegou que metade desse montante era de empresa de Cantanhede, que confirmou a versão.

A Atlântica recebeu no ano passado, somente da Secretaria de Administração Penitenciária, R$ 7,642 milhões, o dobro do ano anterior. Como presta serviço para outros órgãos do governo do estado, no total ela ganhou R$ 12,942 milhões da gestão de Roseana Sarney em 2013 — em 2012, foram R$ 7,428 milhões.

A terceirização do sistema carcerário é apontado pelo Sindicato dos Agentes Penitenciários do Maranhão como um dos grandes problemas nos presídios. Em 2009, quando Roseana voltou ao poder após a cassação do então governador Jackson Lago (PDT), o estado contratou a VTI Serviços, Comércio e Projetos para administrar o sistema. Sem nunca ter atuado no setor — pois tem como principal atividade locação de equipamentos de informática e desenvolvimento de softwares —, a VTI recebeu, desde então, R$ 153,9 milhões. Em 2012, foram R$ 48,9 milhões e, em 2013, R$ 66,3 milhões, sem que o governo tenha construído qualquer novo presídio.

O governo maranhense informou, em nota, que a terceirização dos presídios não tem qualquer relação com a atual onda de violência. Para o governo, a manutenção do sistema requer investimentos em infraestrutura, mão de obra e qualificação.

Pagamento antecipado

Uma empresa contratada para reformar o presídio de Pedrinhas, onde detentos foram mortos, recebeu adiantado pelo serviço, que ainda não foi concluído. A Nissi Construções foi contratada pela Secretaria de Administração Penitenciária em 4 de novembro do ano passado, com dispensa de licitação, por R$ 1,167 milhão.
Menos de um mês após a assinatura do contrato, em 28 de novembro, a empresa recebeu o primeiro pagamento, no valor de R$ 491,3 mil. Na véspera do Natal, foram mais R$ 526,3 mil, totalizando R$ 1,017 milhão. Os serviços ainda estão sendo executados. Operários disseram que ainda serão necessários mais cerca de 20 dias para a conclusão dos serviços

Fonte: O GLOBO.

Um comentário:

  1. Gaby,agora o nosso estado vai.Nós ja estamos passando paises como a Suiça,Suecia,Noruega,Dinamarca,holanda,e muitos outros mais,inclusive USA,para tristeza da esquerda brasileira
    Isto é devido ao trabalho da familia Sarney,com a colaborão do vice governador do Pt,e a orientação da Dilmae Lula.
    Pelo potencial que o nosso estado tem em violencia,acho que dentro de 3 anos,chegaremos com um pib per capita de mais de US$200.000,00 por ano.Estado rico é estado violento,e estado violento é estado rico.Nós temos que buscar para nosso estado,aqueles assassinos do sul,estrupadores do Paraná,comerciantes desonesto da paraiba, e tudo que é gente ruim deste Brasil.Mas não queremos mais ladroes,pois aqui já não cabe mais.fazendeiros grileiros tambem não ,pois já tem demais.Politico mentiros e desonesto,não precisa vir,pois a nossa cota,já extrapolou.Medicos desonestos e incompetentes,podem ficar por onde estão.Puxa sacos de polityicos mentirosos,já chega os tem aqui wr, e outros assemelhados.Bebedores de cerveja ainda cabe alguns na praça de fatima,porem crentes ,já não babe em nosso estado.Gente velhaco que se diz de esquerda,mas gosta de levar uma vida de capitalista e patrimonialista,pode ficar aonde estáo,pois aqui estão saindo pelo ladrão.
    Quem quiser vir,que venha ,e vai ficar condicionado à aprovação,dos senhores do conselho,da banca do Chico,na praça de fatima.Se cadastrem no EAPEM,exame de aprovação para entrada no Maranhão.
    CORRUPTOS,UNI-VOS, e vamos fazer deste estado o mais rico do Brasil,cuíca do mundo.Espirito do Vitorino Freire

    ResponderExcluir

Hospital de Ortopedia vai permitir 9.600 cirurgias a mais

Com a decisão de alugar uma estrutura já existente para instalar o Hospital de Traumatologia e Ortopedia (HTO), a Secretaria Estadual...