ASSALTOS A BANCOS: NORDESTE NÃO CONSEGUE CONTER AVANÇO DO 'NOVO CANGAÇO'


Foram 155 ataques a bancos em cidades de sete dos nove estados nordestinos até metade de março deste ano, revela reportagem do jornal Folha de S. Paulo na edição desta terça-feira 18. No Maranhão, foram 21 casos. O estado que mais registrou ataques a agências bancárias foi Bahia, com 46 ocorrências, segundo dados do Sindicato dos Bancários.

O 'novo cangaço', como ficou conhecida a tática dos assaltantes em referência à atuação do bando do cangaceiro Lampião, pratica arrombamentos e explosões de caixas eletrônicos. Os assaltos a agências abertas, com reféns, aterrizou o interior do Nordeste nos anos 80 e 2000, mas perdeu força com a desarticulação das quadrilhas, informa o jornal.

Segundo a reportagem, os ataques "são sempre idênticos": os assaltantes cercam delegacias e companhias da Polícia Militar das pequenas cidades, roubam os bancos e em seguida "fogem efetuando disparos, deixando um rastro de medo entre os moradores".

Os dados apontam um crescimento desse tipo de ocorrência nos últimos meses.

as quadrilhas migram de um estado para outro. A estratégia das autoridades policiais é intensificar ações preventivas nas frointeiras estaduais.

Para maio está marcada uma reunião de secretários de Segurança do Nordeste.

A Federação dos Bancos (Febraban) informa que não dispõe de dados sobre esse tipo de crime neste ano. Adianta que os bancos investiram cerca de R$ 9 bilhões em segurança em 2013, o maior da história.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Câmara aprova 6.29% de reajuste para a Educação

A Câmara Municipal aprovou nesta quinta-feira (25) projeto de reajuste salarial de 6.29% para os servidores da Educação e a isonomia ...