Presidente da Fundação Cultural de Imperatriz elogia escolha de Ester Marques para a Cultura

Lucena Filho, presidente da FCI: Flávio acertou na escolha
Lucena Filho parabenizou o governador eleito Flávio Dino pela indicação de Ester Marques para comandar a Secretaria de Cultura do Maranhão e destacou a competência, a experiência e o conhecimento desta na elaboração e execução de projetos de políticas públicas culturais, tanto em nível estadual quanto federal.

"O governador eleito Flávio Dino mais uma vez acertou em fazer uma indicação técnica para seu futuro secretariado. Flávio está formando uma grande equipe. Nós que fazemos cultura no Maranhão estávamos ansiosos também para ver comandando a pasta da Cultura uma pessoa que é da área, que milita na área e que tem competência para assumir esta tarefa", declarou o secretário.  
Ester Marques é professora do Departamento de Comunicação da UFMA, formada em Comunicação, com mestrado em Comunicação e Cultura pela UNB e está concluindo o doutorado em Ciências da Comunicação. É do Conselho Estadual de Cultura, da Comissão de Análise de Projetos da Lei de Incentivo da Cultura. Coordenou como analista técnica o Plano Estadual de Cultura. É também produtora cultural e membro da Comissão Maranhense de Folclore. Foi diretora geral do Sesc no Maranhão. Desde 2012, é assessora de Comunicação da UFMA.

"Ester tem uma grande experiência na área, sobretudo na discussão de políticas públicas para a cultura. Conheço-a pessoalmente, participamos de fóruns, seminários e encontros de trabalho, e pude constatar sua competência, sua seriedade e seu compromisso com a cultura maranhense, com os agentes culturais e com os artistas de nosso estado", ressaltou o presidente da Fundação Cultural de Imperatriz (FCI), que também é membro do Conselho Estadual de Cultura.

Lucena Filho lembrou a participação importante e decisiva de Ester Marques na elaboração e criação dos sistemas nacional, estadual e municipais de cultura. "Nas duas conferências nacionais que participamos como delegados, em 2010 e 2013, Ester teve uma participação direta, sendo uma das coordenadoras da delegação do Maranhão, que era a terceira maior do Brasil. Ester se destacou pelo seu conhecimento e liderança".  

Lucena Filho disse que um dos maiores desafios da futura secretária é a implementação e execução do Plano Estadual de Cultura, que está na Assembleia Legislativa para apreciação e votação dos deputados.

"Hoje um dos maiores anseios da classe artística do Maranhão, especialmente do interior do Estado, é a descentralização e regionalização dos editais de projetos culturais, para que todos os agentes de cultura possam ter acesso aos recursos públicos, contemplando assim todas as manifestações artísticas populares de todas as regiões do estado", assinalou.
 
"Ester conhece a realidade de cada região do Maranhão. Acreditamos que vá priorizar todo o estado, inclusive esta é a vontade do governador eleito, que já declarou que pretende valorizar todas as regiões do Maranhão", finalizou.
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A criação da Comenda Frei Manoel Procópio

Maior honraria concedia pelo Município de Imperatriz, a Comenda Frei Manoel Procópio leva o nome do missionário, considerado o fundador...