Pedro Novais diz que devolverá verba de motel


O deputado federal Pedro Novais (PMDB-MA), futuro ministro do Turismo, usou R$ 2.156 da cota parlamentar da Câmara para pagar despesas de motel em São Luís, no Maranhão, segundo nota fiscal incluída na prestação de contas de junho deste ano.
Novais, 80, da cota do senador José Sarney (PMDB) no governo Dilma, participou de uma festa com vários casais no motel, afirma reportagem publicada ontem pelo jornal "O Estado de S. Paulo".
Ele diz que o dinheiro será devolvido à Câmara.
Em entrevista ao jornal, a gerente do hotel, que se identificou como Sheila, teria confirmado a festa e dito que Novais recebeu vários casais no local. Procurada ontem pela Folha, a gerente se negou a falar do caso.
Novais divulgou nota, ontem à tarde, em que se diz atingido pela reportagem, nega ter ido à suposta festa e afirma que a nota foi incluída na prestação de contas por "erro" de sua assessoria.
"É mentira, nunca estive no estabelecimento. A acusação leviana tenta atingir minha moral e a firmeza de minha vida familiar", disse.
Ele afirmou que no dia da emissão da nota estava com sua mulher, em sua casa.
O motel fica na periferia e tem espaço com sauna e piscina para receber grupos. Os donos também são sócios em outro motel famoso por possuir suítes temáticas.
Como deputado, Novais tem direito a R$ 31.637 mensais para gastar com passagens aéreas, manutenção de escritório político, aluguel de veículos e consultoria.
A Câmara informou ontem que não existe irregularidade formal na utilização da verba para pagamento de motéis.
O ato sobre a cota dos deputados só estabelece que a despesa deve ser com a atividade parlamentar e não especifica a hospedagem.
O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), declarou que estava "preocupado e focado" na sua candidatura à recondução ao cargo, mas iria conversar com o corregedor, ACM Neto (DEM-BA), sobre o caso.
O corregedor disse que só poderá tomar alguma medida se for acionado.
A Folha apurou que, na avaliação de deputados, o caso perderia força porque outros parlamentares também já teriam utilizado a verba da Câmara para pagar diárias de motéis na ausência de hotéis disponíveis em pequenas cidades.
O deputado Eduardo Henrique Alves (PMDB-RN) procurou minimizar o caso.
"Ele [Pedro Novais] está esclarecendo de forma competente", afirmou.

(Do Folha.com)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Secretário Clayton Noleto recebe produtores de grãos da região de Balsas

O secretário de Infraestrutura do Maranhão, Clayton Noleto, recebeu em audiência nesta quarta-feira (11), representantes dos produtor...