Governador e prefeitos da Grande Ilha acompanham reordenamento do trânsito na Forquilha

No primeiro dia útil de trabalho do ano, os prefeitos de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior; de São José de Ribamar, Luís Fernando; e de Paço do Lumiar, Domingos Dutra, acompanharam o governador Flávio Dino em visita a obras na região da Forquilha e do Maiobão que impactarão diretamente no trânsito das três cidades. Durante toda a manhã, os gestores vistoriaram as intervenções, conversaram com a população e pregaram discurso de união de esforços e trabalho convergente para resolver problemas históricos da região da Grande Ilha.

Na Forquilha, a obra orçada em R$ 8,4 milhões, fruto da parceria entre o Governo do Estado e a Prefeitura de São Luís, inclui serviços de drenagem profunda, construção de calçadas, meio-fio e sarjeta, pavimentação e reordenação do trânsito. Com prazo de entrega em até 60 dias, a revitalização do importante ponto de convergência entre as cidades de São Luís, São José de Ribamar e Paço do Lumiar está com os serviços de drenagem já avançados e parte das ruas já pavimentadas.

O governador Flávio Dino ressaltou que a obra no entorno da Forquilha beneficia, diretamente, 1,5 milhão de habitantes da região e se junta a outras intervenções, como na Avenida Jerônimo de Albuquerque, na MA-202, a construção da ponte próxima ao Shopping Pátio Norte e a ligação com o Parque Vitória. Além disso, ele enfatizou que a visita, no primeiro dia útil do mês, mostra a interação entre os quatro prefeitos da Grande Ilha e o Governo do Estado em torno da construção da Região Metropolitana.

“Nós estamos mostrando, com essas obras de mobilidade urbana, que esse é o caminho. Metropolização progressiva, com responsabilidade, os prefeitos pactuando conosco as metas e os paços que nós vamos dar. Com isso, nós teremos melhores condições de vida para os cidadãos e cidadãs dos quatro municípios”, destacou o governador Flávio Dino.

Para o prefeito de São Luís, a demonstração de união do Governo do Estado com os prefeitos da Grande Ilha, mesmo antes da posse, é fundamental para a resolução de problemas comuns dos quatro municípios. “Conseguimos, com a parceria, otimizar recursos, que foram investidos em obras que vão melhorar a mobilidade urbana em São Luís e terão impacto positivo também nos demais municípios, gerando qualidade de vida para a população. São intervenções clamadas há muito tempo pela população e, ao lado dos demais prefeitos da Grande Ilha e do Governo do Estado, seguiremos trabalhando para resolver os problemas da cidade e unir cada vez mais as regiões”, disse Edivaldo Holanda Júnior.

Luis Fernando, prefeito de São José de Ribamar, destacou que, sob a liderança do governador Flávio Dino, a Região Metropolitana está se metropolizando na prática, independente das questões de ordem legal que devem ser superadas. “O governador, com sua sensibilidade, está mostrando que é possível trabalharmos juntos. Essa obra que o Governo está fazendo aqui tem repercussão direta em Paço do Lumiar e São José de Ribamar. Diariamente saem 15 mil carros de São José de Ribamar para São Luís e retornam todos os dias”, frisou Luís Fernando.

O novo prefeito de Paço do Lumiar, Domingos Dutra, também elogiou o esforço do governador Flávio Dino para a constituição da Região Metropolitana. “Sem a vontade política do Governo do Estado, a metropolização não se realiza. Portanto, essa iniciativa é fundamental para nos animar, congregar, nos unir em torno das pessoas. Não há motivos para ficarmos separados porque as pessoas se uniram. De São Luís a Ribamar é uma rua só. A população se metropolizou e agora o governador está metropolizando as ações”, sublinhou Domingos Dutra.

Complexo Comercial

Da região da Forquilha, os gestores seguiram para as feiras da estrada de Ribamar, na MA-201, e do peixe. O objetivo é organizar a situação dos feirantes com a construção de um Complexo Comercial, que vai abrigar os vendedores, potencializar o comércio e melhorar o trânsito na região que compreende um dos limites territoriais entre as cidades de Paço do Lumiar e São José de Ribamar. De acordo com o governador, será feito um pacto do Governo do Estado com as cidades para a construção de um grande Complexo Comercial.

“Para que haja mais fluidez no trânsito é imprescindível resolver essa problemática aqui. De um lado Ribamar, e de outro Paço do Lumiar, e nós vamos achar uma solução conjunta, que preserve os direitos dos comerciantes, dos feirantes, e dos trabalhadores que aqui estão, para que eles tenham mais dignidade, uma renda melhor, e os consumidores tenham condições sanitárias e de circulação mais adequadas”, explicou o governador.

União contra a crise

Segundo o governador Flávio Dino, diante da crise econômica que assola municípios e estados de todo o Brasil, a união em torno de uma agenda de trabalho convergente otimiza os investimentos públicos e potencializa as ações. “Juntando os recursos disponíveis das Prefeituras, com recursos do Governo do Estado e do Governo Federal, nós vamos progressivamente resolvendo esses problemas que impactam o cotidiano dos cidadãos. Nosso objetivo é esse”, declarou Flávio Dino.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

EXCLUSIVO Márlon Reis diz que Senado é “opção possível”

Márlon Reis, ex-juiz, um dos criadores da Lei da Ficha Limpa (Foto: Carlos Gaby) Em entrevista exclusiva ao blogue, o advogado e ex...