Projeto da Codevasf no Maranhão foi apresentado por Carlos Brandão e relatado por Flávio Dino

Deputado Carlos Brandão e o pré-candidato ao Governo do Maranhão, Flávio Dino

Um projeto que trará para o Maranhão investimentos de R$ 120 milhões e mais 900 poços artesianos foi posto em prática na manhã de segunda (09): 
foi inaugurado o prédio definitivo da 8ª Superintendência Regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba - Codevasf, em São Luís. A conquista, além de destacar o compromisso da estatal com o Maranhão, demonstra o empenho do deputado federal Carlos Brandão (PSDB) em torná-la realidade. O projeto foi relatado pelo ex-deputado federal, Flávio Dino (PCdoB), e ampliou até os vales do Mearim e do Itapecuru, no Maranhão.

“Foram anos de luta, até que em 2010 o projeto foi sancionado e transformado na Lei nº 12.196, que resultou na expansão da Codevasf em nosso estado. Antes, a sede mais próxima desta instituição ficava no Piauí. Perdíamos investimentos preciosos para o combate da pobreza no Maranhão”, informou o parlamentar tucano.

Relator do projeto na Câmara dos Deputados, Flávio Dino comemorou a instalação definitiva do escritório da Codevasf no Maranhão. Em voto proferido em favor dos maranhenses, Dino ressaltou a relevância da ampliação do projeto ao Maranhão, trazendo mais desenvolvimento social ao estado. O voto foi proferido em 2008, quando Dino era deputado federal representando o estado em Brasília.

No voto favorável à apresentação do projeto, Dino destacou os avanços que essa instalação traria para o estado. “A ampliação de sua área de atuação para os vales do Mearim e do Itapecuru, como propõe o Deputado Carlos Brandão, certamente contribuirá em muito para o desenvolvimento de uma região de extrema necessidade, que é o centro e leste do Maranhão, estado que possui o PIB per capita mais baixo do país." O projeto vai beneficiar 105 municípios.

Na prática, a Lei nº 12.196 assegura ao nosso estado o direito de receber melhorias destinadas à infraestrutura,produção agrícola, novas tecnologias de plantio, capacitações técnicas, educação ambiental, saneamento básico, sistema de abastecimento de água, estradas vicinais, mercado do produtor, açudes, cisternas, diques (da Baixada) e poços artesianos, kits de irrigação e de apicultura - tudo isso através da estatal, um verdadeiro progresso para 150 municípios localizados nas regiões dos rios Itapecuru, Mearim e Parnaíba, o que corresponde a 70% do estado do Maranhão.

Investimentos para este ano – Com a ampliação das ações, os investimentos no estado tiveram real crescimento. Antes da Lei de autoria do deputado Brandão, os investimentos da estatal eram apenas de R$ 30 milhões. Um ano após a sua criação, os projetos aprovados para o Maranhão chegam a R$ 530 milhões. “Isso significa dizer que as ações da Codevasf têm influenciado diretamente na diminuição das desigualdades sociais em nosso estado e consequente elevação do seu IDH”, enfatizou Brandão.

Só no ano de 2014, a Codevasf promoverá o investimento de cerca de R$ 120 milhões, destinado exclusivamente à efetivação do sistema simplificado de abastecimento de água (poços artesianos) em comunidades rurais de 105 municípios maranhenses.

O parlamentar tucano destacou, ainda, a importância da instalação dos 900 poços artesianos, por meio do recente investimento da Codevasf: “Com os poços construídos, aproximadamente um milhão de maranhenses estarão livres de verminoses, infecções intestinais e demais doenças associadas ao consumo de água imprópria”.

E concluiu que, apesar destas conquistas, há muito a se fazer pelo Maranhão: “Sinto-me satisfeito em ser um dos responsáveis pelo sucesso de programas como esse, mas, para vermos o nosso estado com melhores indicadores sociais, é preciso avançar com mais trabalho”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Câmara aprova 6.29% de reajuste para a Educação

A Câmara Municipal aprovou nesta quinta-feira (25) projeto de reajuste salarial de 6.29% para os servidores da Educação e a isonomia ...