EXCLUSIVO: A superdraga que vai aterrar a lagoa da Beira-Rio


Texto e fotos: Brawny Meireles
 
Acaba de chegar em Imperatriz a superdraga que vai aterrar umas das duas lagoas existentes na Avenida Beira-Rio, às margens do Rio Tocantins. 

Vinda do estado de São Paulo, a superdraga tem capacidade para extrair cerca de 5 mil metros cúbicos de areia por dia.

Só para se ter um comparativo dessa proporção vale dizer que, uma draga "comum", das mais potentes que operam no estado do Maranhão, a de maior capacidade consegue extrair, no máximo, 800 m³ (oitocentos metros cúbicos), por dia.

Segundo informações colhidas junto aos técnicos da obra, baseando-se em levantamentos técnicos do projeto, serão necessários cerca de 130 mil metros cúbicos de areia, só para aterrar a lagoa.

Toda essa areia será retirada do meio do leito do Rio Tocantins, de onde a superdraga ficará estacionada.

Ambientalistas alertam que o aterramento da lagoa vai impactar toda uma fauna ali existente e que nenhuma medida foi adotada, até o momento, no sentido de remover os peixes, tracajás, jacarés e outros bichos que povoam a lagoa.

A atual legislação ambiental proíbe a soltura de qualquer espécime exótica na calha natural do Rio Tocantins.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hospital de Ortopedia vai permitir 9.600 cirurgias a mais

Com a decisão de alugar uma estrutura já existente para instalar o Hospital de Traumatologia e Ortopedia (HTO), a Secretaria Estadual...