10 mil desabrigados no Maranhão

As enchentes na bacia dos rios Mearim, Itapecuru, Tocantins e Parnaíba, no Maranhão, obrigaram 10.724 pessoas a abandonarem suas casas nos últimos dias --entre desalojados e desabrigados--, segundo a Defesa Civil do Estado.

Ao todo, são 12 municípios afetados: Arari, Bacabal, Cantanhede, Igarapé Grande, Imperatriz, Itapecuru-Mirim, Pedreiras, Pirapemas, São Luís Gonzaga, Timon, Trizidela do Vale e Vitória do Mearim. Das pessoas que tiveram que sair de casa, 7.143 estão desabrigadas --e foram encaminhadas a abrigos públicos-- e 3.581 estão desalojadas-- e foram abrigadas na casa de amigos e parentes.

As cheias dos rios maranhenses são comuns nesta época e castigam a população do Médio Mearim todos os anos. Como em 2009 e 2010, a situação é pior em Trizidela do Vale, onde há 3.564 desabrigados e 2.763 desa lojados. Na vizinha Pedreiras, são 48 desalojados e 898 desabrigados.

Além de Trizidela do Vale, decretaram situação de emergência os municípios de Bacabal --onde há 1.505 desabrigados-- e Igarapé Grande.

Segundo relatório da Defesa Civil, o nível dos quatro rios está acima do normal e continua subindo na maioria dos pontos de medição.  O rio Mearim, no entanto, está baixando em Trizidela do Vale e São Luís Gonzaga.

Nos outros pontos de medição do Mearim e dos rios Itapecuru, Tocantins e Parnaíba o nível continua subindo, segundo o relatório da Defesa Civil.

(Portal UOL)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Câmara não descarta acionar MP para suspender pagamento de contas de energia elétrica em Imperatriz

A comissão de vereadores formada para encaminhar as proposições no relatório que será enviado a autoridades, órgãos e entidades locai...