“Não há liderança disparada na Frente”, afirma blogueiro


Em conversa no Facebook com o jornalista e blogueiro Frederico Luiz, abordamos temas sobre a eleição municipal do ano que vem. Para Fred, a chamada Frente de Oposição não tem em Imperatriz “uma liderança disparada”.

“A Frente sai, agora quem encabeça quem é o problema, porque ela [a Frente] tomou um aspecto regional”, analisa o jornalista.

Para ele, “Carlinhos e Sanches [estão] num patamar e Porto e Terezinha noutro”.

Frederico Luiz afirma: “Esses quatro terão de se entender... ou então em 2014 ficam coadjuvantes. Pois, nas demais grandes cidades, acontece o entendimento entre PCdoB-PDT e PSB e mais alguém... como por exemplo, a Banda do PT que não faz parte do governo Roseana. Por isso, muita água ainda vai rolar por baixo da ponte”.

O jornalista não acredita que mais três ou quatro candidaturas possam favorecer a reeleição do prefeito Sebastião Madeira: “Rapaz, só mesmo se sair 125 mil candidatos. Aí ele junta o voto dele com o da Dra...”, ironiza.

Frederico diz que a rejeição de Madeira “é astronômica e contínua”.

Segundo o jornalista, na Frente de oposição estadual, PCdoB-PDT-PSB, não tem lugar para o DEM porque é oposição a Dilma, e nem para o PMDB porque é situação em relação a Roseana”.

Mas pondera: “Agora se o Ildão der uma de Roberto Rocha e se mudar para o PSB... Aí o bicho ia pegar!”

Sobre um possível apoio de Roseana à candidatura de Ildon, Frederico que a governadora “só atrapalha”.

“Antes, Ildão demonstrava para a cidade, mais independência. Porém, tem a tropa de choque que não admite isso. E confundem aliado com subserviente. Sarney e Lobão entendem. Mas, Roseana e seu grupo, não. Para se ter uma idéia, ela ainda trabalha com Luís Fernando para 2014. Apesar de Sarney sinalizar que o nome é Lobão”, conclui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Piracanjuba: Quem é o pai?

Coisas de nossa política paroquiana. Cada vez que ganhamos uma obra, um investimento, um empreendimento, um alvoroço se instala no se...