Madeira exonera Cleto Vasconcelos do Meio Ambiente


O advogado Cleto Vasconcelos não é mais o secretário do Meio Ambiente de Imperatriz. Ele fo exonerado verbalmente pelo prefeito Sebastião Madeira no final da tarde desta sexta-feira 29, em reunião entre os dois em uma sala da Secretaria de Educação do Município.

Madeira "explicou" sua decisão ao agora ex-secretário usando a retórica dos falsos aliados. Disse que Cleto havia perdido o apoio político do PMDB, partido do ex-secretário do qual o prefeito tem simpatia de três ou quatro integrantes.

Antes de comunicar o que já havia decidido há dias, Madeira derreteu-se em elogios ao ex-colaborador, marca de sua instável personalidade política. 
A frieza da conversa evidenciava os dois opostos. Mesmo sabendo que a justificativa traía o real motivo da decisão, Cleto Vasconcelos compreendeu a fragilidade do ex-chefe. Retribuiu a oportunidade de servir ao Município com agradecimento e compreendeu que o prefeito é "o dono' do cargo.

Os dois se despediram com um abraço. Puro constrangimento - não para o ex-secretário, mas para o prefeito, que, raposa velha, sabe aonde meteu-se para agradar certos integrantes de sua equipe.

O advogado e engenheiro Richard Seba Caldas, também do PMDB e adjunto de Cleto, assume o cargo nesta segunda 2.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Câmara aprova 6.29% de reajuste para a Educação

A Câmara Municipal aprovou nesta quinta-feira (25) projeto de reajuste salarial de 6.29% para os servidores da Educação e a isonomia ...