Hamilton: deputado foi preconceituoso, falou besteira e deve se retratar


A Câmara de Vereadores deve aprovar na sessão da próxima terça-feira, 27, uma Moção de Repúdio às declarações do deputado estadual Magno Bacelar (PV), segundo as quais Imperatriz “é o cafundó do Judas”, o “quintal do Maranhão”, informa o blog do Élson Araújo (www.porelsonaraujo.blogspot.com).

O presidente da Câmara, Hamilton Miranda, reagiu indignado às colocações do parlamentar. “É um deputado que não conhece o Maranhão”, declarou o presidente, taxando Bacelar de “preconceituoso”, e exigindo que ele se retrate publicamente perante os imperatrizenses e os tocantinos.

“Foi no mínimo desrespeitoso e preconceituoso com nossa cidade; não só com ela, mas com uma região que historicamente, com suas riquezas, tem ajudado o Maranhão  a crescer”, afirmou Hamilton.

“Para o presidente da Câmara são atitudes como essa, de políticos como Magno Bacelar, que só conhecem o Estado até o Estreito dos Mosquitos que tem reforçado o sentimento pela criação do Estado do Maranhão do Sul”, escreveu o jornalista Élson Araújo.

“Queria que o deputado, com a mesma coragem que agrediu Imperatriz e a região tocantina, viesse a público e pedisse desculpas pela besteira que falou”, desafiou o presidente da Câmara.

O prefeito Sebastião Madeira declarou que Magno Bacelar ofendeu “os maranhenses daqui, que são tão maranhenses quanto os do Norte e da Baixada”.

Madeira disse que aguarda, no mínimo, uma retratação do deputado.

O prefeito aproveitou para destacar a parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado na área de saúde.

“Já disse reiteradas vezes que a situação é dramática e que sem o apoio, sem a ajuda do Governo do Estado entraremos em colapso. No momento em que o Governo do Estado, por intermédio do seu secretário Ricardo Murad, decide nos ajudar é um sinal de sensibilidade política e de uma visão macro das coisas do Maranhão”, afirmou.

A polêmica

Na audiência da última terça-feira, 20, na Assembléia Legislativa com Ricardo Murad, o deputado Magno Bacelar cobrou do secretário mais recursos para a saúde em suas bases eleitorais.

Para fazer jogo de cena e tentar agradar seus eleitores da Baixada, acabou atacando impiedosamente Imperatriz e a região sul do Estado.

“Agora tudo na Saúde é para Imperatriz, que fica lá no cafundó do Judas, no quintal do Maranhão”, disparou o deputado, demonstrando sua fúria preconceituosa e discriminatória contra o povo do sul do Maranhão.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Prefeitura troca multas trabalhsitas por equipamentos públicos

Márcia Nardin, representando a 1ª vara do Trabalho de Imperatriz, e o Secretário de Administração José Antonio Pereira Os bairros d...